Medicina Esportiva/Atividade Física - Saiba sobre o músculo esquelético
Esta página já teve 115.018.872 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.742 acessos diários
home | entre em contato
 

Medicina Esportiva/Atividade Física

Saiba sobre o músculo esquelético

08/10/2005
 

O músculo esquelético é o efetor do movimento, transformando energia química em energia mecânica e liberando calor.

Para obtenção de energia na forma de ressíntese de ATP, necessária à contração muscular, o músculo mobiliza 3 sistemas energéticos:
1 – Sistema ATP-CP
2 – Metabolismo Anaeróbio
3 – Metabolismo Aeróbio

A predominância de cada sistema na ressíntese de energia caracteriza a natureza de cada modalidade esportiva e permite o diagnóstico das exigências metabólicas de cada tipo de atividade. O entendimento das características de cada sistema de ressíntese de ATP é, portanto, fundamental para prescrição de exercícios, monitorização de treinamento e aplicação prática de qualquer tipo de intervenção.

Fonte: Dor muscular no esporte. Dr. Turíbio Leite de Barros Neto. Trabalho e imagens gentilmente cedidas pela Roche – Flanax.

 

Sistema ATP-CP


O sistema ATP-CP é predominante em todas as atividades caracterizadas por alta intensidade e curta duração, tendo como fator de limitação o estoque intracelular de Creatina-fosfato, composto que armazena energia química nas ligações entre o radical fosfato (PO4) e a molécula de Creatina.

Fonte: Dor muscular no esporte. Dr. Turíbio Leite de Barros Neto. Trabalho e imagens gentilmente cedidas pela Roche – Flanax.

Metabolismo anaeróbio


O Metabolismo Anaeróbico promove a ressíntese de ATP a partir da transformação de glicose até ácido láctico, numa seqüência de reações cujo rendimento energético equivale à energia para ressintetizar 2 Moles de ATP para cada Mol de glicose. A limitação da energia mobilizada depende da tolerância ao acúmulo de ácido láctico. Este sistema é responsável pela energia predominante nos exercícios intensos com duração mais prolongada.

Fonte: Dor muscular no esporte. Dr. Turíbio Leite de Barros Neto. Trabalho e imagens gentilmente cedidas pela Roche – Flanax.

Metabolismo aeróbio

 


Metabolismo Aeróbio promove a ressíntese de ATP através da combustão de carboidratos e gorduras. O metabolismo de carboidratos e lípides forma Acetil-coenzima A que, no ciclo de Krebs das mitocôndrias, sobre o processo de descarboxilação. Os elétrons são transportados pela cadeia respiratória e captados por moléculas de oxigênio. Essa cadeia de eventos libera energia suficiente para ressintetizar 36 Moles de ATP por Mol de glicose. O fator de limitação desse sistema é o fluxo de moléculas de oxigênio para as mitocôndrias.

Fonte: Dor muscular no esporte. Dr. Turíbio Leite de Barros Neto. Trabalho e imagens gentilmente cedidas pela Roche – Flanax.


www.medicinadoesporte.com

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos