Soja - Saiba sobre as proteínas de soja
Esta página já teve 114.636.042 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.777 acessos diários
home | entre em contato
 

Soja

Saiba sobre as proteínas de soja

15/11/2006

Fundamentos da Soja – Proteína de Soja

Nem todas as proteínas vegetais são iguais e as proteínas de soja são as únicas proteínas de base vegetal que têm uma qualidade protéica igual à da carne, leite e ovos. Essa proteína de alta qualidade vem em três formas principais para máxima flexibilidade nas aplicações alimentares: farinhas de soja, proteína concentrada de soja e proteína isolada de soja.

Qualidade Protéica: A proteína é um macronutriente com muitas funções. As proteínas fornecem aminoácidos, que são os elementos que compõem as proteínas. São usados para a formação de músculos e outros componentes do corpo que contêm proteínas, incluindo imunoglobulinas, albumina, enzimas e hormônios. O organismo sintetiza aminoácidos não essenciais, enquanto outros que são essenciais precisam ser fornecidos por fontes alimentares. As proteínas e outros compostos contendo nitrogênio são constantemente degradados e reconstruídos. Todas essas perdas devem ser repostas por um suprimento contínuo de aminoácidos fornecidos pela dieta.

Todas as proteínas vegetais e animais têm aproximadamente os mesmos 20 aminoácidos. A proporção dos aminoácidos varia conforme a característica da fonte de proteína. A qualidade nutricional de qualquer proteína está ligada à sua composição de aminoácidos, digestibilidade e capacidade de fornecer aminoácidos essenciais nas quantidades requeridas pela espécie que consome a proteína. A capacidade das Proteínas de Soja Solae* de fornecer os aminoácidos essenciais nas quantidades necessárias aos seres humanos foi examinada em vários estudos de qualidade protéica. Esses estudos envolveram bebês, crianças em idade pré-escolar e adultos.

Tradicionalmente, a Razão de Eficiência Protéica (PER) era usada para se avaliar a qualidade das proteínas. O método PER reflete as necessidades de aminoácidos de jovens ratos em crescimento, não de seres humanos. Um relatório foi publicado em 1991, pela Consultoria Conjunta de Especialistas da Organização para Alimentos e Agricultura/Organização Mundial para a Saúde (FAO/WHO), que pedia um procedimento mais aceitável para a avaliação de proteínas. O método recomendado, denominado Pontuação de Aminoácidos Corrigida pela Digestibilidade de Proteínas (PDCAAS), foi adotado pela Administração de Alimentos e Drogas dos EUA (FDA) para a avaliação da qualidade protéica e rotulação nutricional para produtos destinados a crianças acima de dois anos de idade e adultos.

O PDCAAS é baseado em um método de pontuação de aminoácidos, comparando o perfil de aminoácidos do alimento protéico de teste ao padrão de aminoácidos de dois a cinco anos de idade da FAO/WHO. Esse padrão é usado porque ultrapassa os padrões de necessidade de aminoácidos de crianças mais velhas e adultos. O aminoácido mais limitante é usado para determinar a pontuação de aminoácidos não corrigida, e esse número multiplicado pela digestibilidade do alimento é o PDCAAS. Com esse método, as proteínas isoladas de soja da marca Solae* têm a mais alta pontuação que se pode obter (1,0) para o cálculo do valor protéico corrigido. Nenhuma proteína pode ter um PDCAAS maior que 1,0. As proteínas de soja da marca Solae* são altamente digeríveis e completas, contendo todos os aminoácidos essenciais no padrão de referência e na proporção correta.

O PDCAAS calculado (para isolado de proteína de soja):
Digestibilidade proteínas Solae* = 97%
Pontuação de Aminoácidos Não Corrigida = 26 dividido por 25 = 1,04
Pontuação de Aminoácidos Corrigida pela Digestibilidade de Proteínas = 0,972 x 1,04 = 1,00

A seguinte lista mostra as proteínas Solae* comparadas ao padrão de referência para aminoácidos essenciais da FAO/WHO:

 

Proteínas Solae*

mg/g de proteínas

Padrão de 2 a 5 anos da FAO/WHO mg/g de proteínas
Histidina
26
19
Isoleucina
49
28
Leucina
82
66
Lisina
63
58
Metionina+ Cistina
26
25
Fenilalanina+ Tirosina
90
63
Treonina
38
34
Triptofano
13
11
Valina
50
35


Referências


Formas de Proteína de Soja:

Os Três Principais Produtos de Soja:

  • Farinha de soja é produzida a partir da moagem de flocos de soja descascada e desengordurada. A farinha de soja possui aproximadamente 50% de proteína em peso seco.
  • Proteína Concentrada de Soja é produzidas a partir da soja descascada e desengordurada através da remoção parcial dos carboidratos. As proteínas de soja concentradas mantém a maior parte das fibras originalmente presentes nos grãos de soja e devem conter pelo menos 65% de proteína em peso seco.
  • Proteína Isolada de Soja é produzida a partir dos flocos de soja, através de um processo que utiliza extração aquosa e aquecimento mínimo. Este produto é praticamente livre de carboidratos e de gordura, tendo 90% de proteína em peso seco.

http://www.solae.com.br/soyessentials/soyprotein.html


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos