Genética/Clonagem/Terapia gênica - Aspectos genéticos do envelhecimento e doenças associadas: uma complexa rede de interações entre genes e ambiente
Esta página já teve 116.655.620 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.676 acessos diários
home | entre em contato
 

Genética/Clonagem/Terapia gênica

Aspectos genéticos do envelhecimento e doenças associadas: uma complexa rede de interações entre genes e ambiente

09/08/2008
Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia
ISSN 1809-9823 versão impressa

 


Rev. Bras. Geriatr. Gerontol. v.10 n.3 Rio de Janeiro  2007

 

Aspectos genéticos do envelhecimento e doenças associadas: uma complexa rede de interações entre genes e ambiente

Genetics aspects of aging and related diseases: a complex network of interactions between genes and environment

 

Maria Gabriela Valle Gottliea

Denise Carvalhob

Rodolfo Herberto Schneiderc

Ivana Beatrice Manica da Cruzd

 

Resumo

O envelhecimento é um processo dinâmico, no qual ocorrem modificações do nível molecular ao morfo-fisiológico, logo após a maturidade, que induzem ao declínio orgânico, aumentando a susceptibilidade e vulnerabilidade a doenças e à morte. A genética do envelhecimento dedica-se ao estudo da contribuição hereditária da espécie e sua interação com o ambiente, que incidem no aumento de modificações biológicas ao longo do tempo. Fez-se uma revisão sobre estudos realizados na área e que sugerem que o envelhecimento está sob um controle genético-ambiental. Exceto em síndromes, a contribuição genética, tanto para o tempo de vida quanto algumas doenças crônicas (Alzheimer, doenças cardiovasculares e diabetes mellitus tipo 2), é relativamente baixa. Este fato demonstra que fatores ambientais, como estilo de vida e dieta, desempenham papel fundamental no fenótipo do envelhecimento. Ou seja, a genética não é uma rota determinística, e cada vez mais pode ser “manipulada” em benefício da saúde. Além disso, o conhecimento da genética do envelhecimento e doenças associadas proporciona, cada vez mais, a elaboração de instrumentos clínicos para o benefício das pessoas idosas.

Palavras-chave: envelhecimento; processos fisiológicos; suscetibilidade;  vulnerabilidade; genética médica; estilo de vida; dieta; fenótipo; revisão [tipo de publicação]    

Abstract

Aging is a dynamic process, when changes occur from the molecular to the morfo-physiological level, after maturity, leading to the organic decline, increasing susceptibility and vulnerability to diseases and to death. The genetics of aging studies the hereditary contribution of species and interaction with environment, causing biological modifications along time. It is a review of studies on this subject, suggesting that aging is under a genetic-environmental control. Except for syndromes, the genetic contribution such as life span and some cronic diseases (Alzheimer, cardiovascular diseases and diabetes mellitus type 2) is relatively low. This shows that environmental factors, such as life style e diet, play a fundamental role on aging phenotypes. Genetics is not a deterministic route, and more and more it can be “manipulated” on behalf of health. Moreover, knowledge on the genetic of aging and associated diseases will provide more clinical instruments to benefit elderly people.

Key words: aging; physiological processes; susceptibility; vulnerability; genetics, medical; life style; diet; phenotype; review [publication type] 

 

 

http://www.unati.uerj.br/tse/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-98232007000300002&lng=pt&nrm=iso


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos