Infecto-contagiosas/Epidemias - Infecções por papilomavírus sexualmente transmitida
Esta página já teve 116.523.332 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.684 acessos diários
home | entre em contato
 

Infecto-contagiosas/Epidemias

Infecções por papilomavírus sexualmente transmitida

04/01/2010

Anais Brasileiros de Dermatologia

versão impressa ISSN 0365-0596

Resumo

TCHERNEV, Georgi. Infecções por papilomavírus sexualmente transmitida: epidemiologia, patogênese, clínica, morfologia, aspectos importantes do diagnóstico diferencial, diagnóstico atual e opções de tratamento. An. Bras. Dermatol. [online]. 2009, vol.84, n.4, pp. 377-389. ISSN 0365-0596.  doi: 10.1590/S0365-05962009000400009.

A família de papiloma vírus humano (HPV) compreende mais de 100 genótipos. Aproximadamente 30 dos genótipos são responsáveis pelas infecções na área anogenital em humanos. Não dispomos no momento de um algoritmo precisamente definido tendo como meta o diagnóstico e a remoção de HPV por períodos de tempo prolongados ou indefinidos, nem para proteção do paciente contra transformação maligna. A identificação das cepas de HPV por PCR ou hibridização de DNA em tecido lesional oferece maior segurança para os pacientes. Em pacientes de alto risco realiza-se ainda colposcopia, rectoscopia e uretroscopia/ cistoscopia, aumentando a probabilidade do diagnóstico correto e a aplicação de estratégia terapêutica confiável. A remoção das lesões por meio de métodos invasivos, como a eletrodissecção, criocirurgia, e/ou terapia com laser, pode ser bem sucedida e combinada no pré e no pós-operatório com a aplicação local de toxina podofílica, ácido tricloroacético, gel de epinefrina 5-fluorouracil, imiquimod, cidofovir ou interferon. A administração da vacina em pacientes jovens é capaz de previnir as manifestações clínicas das cepas virais mais frequentes, que são HPV-6, -11 e -18. Os diferentes métodos terapêuticos devem ser aplicados de acordo com o quadro clínico, levando em consideração o estado de saúde geral do paciente, a presença de doenças concomitantes, assim como a compatibilidade local e sistêmica dos efeitos adversos em cada remédio. A revisão foca o diagnóstico e as opções de tratamento de infecções por HPV sexualmente transmitidas e inclui uma sinopse da literatura mais recente no que diz respeito aos dados de epidemiologia, patogênese, diagnóstico diferencial e morfologia de infecções por HPV em humanos.

Palavras-chave : Doença de Bowen; Interferons; Papiloma.

        · resumo em inglês     · texto em inglês     · pdf em inglês

 

  Sociedade Brasileira de Dermatologia

 

 

 

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0365-05962009000400009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

 

 

 

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos