Cardiologia/Coração/CirurgCardíaca - Acompanhamento a Longo Prazo de Pacientes com Indicação de Desfibrilador Implantável como Prevenção
Esta página já teve 116.653.677 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.676 acessos diários
home | entre em contato
 

Cardiologia/Coração/CirurgCardíaca

Acompanhamento a Longo Prazo de Pacientes com Indicação de Desfibrilador Implantável como Prevenção

04/05/2010
Acompanhamento a Longo Prazo de Pacientes com Indicação de Desfibrilador Implantável como Prevenção      
Por Claudio Hadid   

Claudio Hadid, Patricia Avellana, Darío Di Toro, Claudia Fernández Gomez, Miguel Visser, Noemí PrietoHospital Donación Francisco Santojanni, Buenos Aires - Argentina

Resumo

Fundamento: Os recentes estudos MADIT II e SCD-HeFT levaram a uma expansão das indicações do uso profilático de cardiodesfibrilador implantável (CDI) em pacientes com grave disfunção ventricular esquerda. Essa terapia não foi totalmente adotada em nosso sistema de saúde, sobretudo em virtude de seu alto custo.

Objetivo: Avaliar a taxa de mortalidade global de pacientes da nossa prática diária que têm o mesmo perfil dos participantes do estudo SCD-HeFT, estão recebendo tratamento clínico otimizado e não foram submetidos a implante de CDI, e comparar essa taxa com a do grupo de placebo do estudo SCD-HeFT.

Métodos: Foram incluídos neste estudo pacientes com o mesmo perfil dos participantes do estudo SCD-HeFT identificados a partir de prontuários médicos. A taxa de mortalidade global foi avaliada por contato telefônico. A análise estatística foi realizada com o teste
t de Student, teste de Mann-Whitney ou teste de qui-quadrado, dependendo do tipo de variável. As taxas cumulativas de mortalidade foram calculadas de acordo com o método de Kaplan-Meier.Resultados: Este estudo englobou 102 pacientes, 74 dos quais do sexo masculino. A mediana da idade foi 64 anos e a média da fração de ejeção, 25%. Não encontramos diferenças entre os nossos pacientes e os pacientes do estudo SCD-HeFT em relação a essas três variáveis. Durante o período de acompanhamento de 19,6 meses, 21 pacientes morreram (20,6%), contra 28,8% do estudo SCD-HeFT. Essa diferença não foi estatisticamente significante (p = 0,08).

Conclusão: Não houve diferença na taxa de mortalidade dos nossos pacientes e dos pacientes do grupo de placebo do estudo SCD-HeFT. Esses resultados indicam que a população do SCD-HeFT é representativa dos nossos pacientes. (Arq Bras Cardiol 2008; 90(5): 339-344)

Palavras-chave: Insuficiência cardíaca congestiva/mortalidade, desfibriladores implantáveis, morte súbita.

Summary

Background: Recent MADIT II and SCD-HeFT trials have led to an expansion of indications for use of prophylactic Implantable Cardioverter Defibrillator (ICD) in patients with severe left-ventricular impairment. This therapy has not been fully adopted in our health care system, mainly due to its high cost.

Objective: To assess total mortality of SCD-HeFT-like patients from our daily practice who are under stable, optimal medical treatment and who have not received an ICD; and to compare it to that of the placebo arm of the SCD-HeFT Trial.

Methods: SCD-HeFT-like patients identified from office medical records were included in our study. Total mortality was assessed by telephone contact. Statistical analysis was performed by Student’s t-Test, Mann-Whitney Test or c
2 test, depending on the type of variable. Cumulative mortality rates were calculated according to the Kaplan-Meier method.

Results: Our study comprised 102 patients (seventy-four of which were men) with a median age of 64 years, and an overall median ejection fraction of 25%. We found no differences between our patients and SCD-HeFT patients across these 3 variables. Over a 19.6-month follow-up period, 21 patients died (20.6%) vs. 28.8% of the SCD-HeFT patients. This difference was not statistically significant (p = 0.08).

Conclusion: SCD-HeFT-like patients from our practice had no difference in mortality rate than patients enrolled in the placebo arm of the SCD-HeFT trial. These results suggest that the SCD-HeFT population is representative of our patients. (Arq Bras Cardiol 2008; 90(5): 311-315)

Key words: Heart failure, congestive/mortality; defibrillators, implantable; death, sudden.

Full texts in English - http://www.arquivosonline.com.br

 

Fonte:

 

http://www.moncada.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=83&Itemid=29

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos