biologia molecular - Síntese de proteínas
Esta página já teve 115.955.155 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.694 acessos diários
home | entre em contato
 

biologia molecular

Síntese de proteínas

04/06/2003

Introdução

Ribossomos são organelas citoplasmáticas encontradas em procarióticos e eucarióticos. Eles são amplos complexos de proteínas e moléculas de rRNA (RNA ribossômico), sendo três moléculas de rRNA nos procarióticos e quatro nos eucarióticos. Estes complexos de proteína e rRNA são chamados subunidades e são produzidos no nucléolo. A principal função dos ribossomos é servir de sítio para a tradução, ou seja, síntese de proteínas (reunião de aminoácidos em proteínas); uma vez que duas subunidades (uma grande e uma pequena) são unidas pelo mRNA vindo do núcleo, o ribossomo traduz a seqüência do mRNA em uma seqüência específica de aminoácidos ou uma cadeia polipeptídica. Veja abaixo uma eletromicrografia mostrando uma síntese de proteínas; os ribossomos aparecem como grânulos escuros.

 

 

Localização e tipos de ribossomos

Ribossomos são encontrados nas células sob duas formas: livres e associados ao retículo endoplasmático. Eles existem em várias localidades dentro da célula; entretanto esta localização depende da função da célula.

 

Ribossomos livres

Encontrados no citoplasma

Podem ocorrer como um único ribossomo ou em grupos conhecidos como polirribossomos ou polissomos

Ocorrem em maior número que os ribossomos associados ao retículo, em células que retém a maioria das proteínas fabricadas.

Responsáveis pelas proteínas que estão em solução no citoplasma ou formam elementos móveis ou estruturas citoplasmáticas importante

 

Ribossomos associados ao retículo

São encontrados associados à membrana exterior do retículo endoplasmático (RE) constituindo o RE rugoso

Ocorre em maior número que os ribossomos livre, em células que secretam suas proteínas fabricadas (ex., células pancreáticas produtoras de enzimas digestivas).

Responsáveis pelas proteínas que formam membranas ou são empacotadas e estocadas em vesículas no citoplasma ou são exportadas para o exterior da célula.

Ribossomos também estão localizados na mitocôndria e cloroplastos de células eucarióticas; eles são sempre menores que os ribossomos citoplasmáticos e são comparáveis aos ribossomos procarióticos em tamanho e sensibilidade a antibióticos; entretanto, os valores de sedimentação s (s = unidade Svedberg: uma medida da taxa de sedimentação de um componente em uma centrífuga, relacionando peso molecular e a forma 3-D do componente) varia nos diferentes filos. Ribossomos procarióticos e eucarióticos executam as mesmas funções, pois fazem o mesmo conjunto de reações químicas; entretanto, ribossomos eucarióticos são muito maiores que os procarióticos e a maioria das suas proteínas são diferentes. Ribossomos mitocondriais e dos cloroplastos assemelham-se aos ribossomos bacterianos.

As células aplicam considerável esforço para a produção destas organelas essenciais; por exemplo, uma E. coli contém mais ou menos 15000 ribossomos, cada um com um peso molecular de aproximadamente 3 x 106 Dalton constituindo 25% da massa total dessas células bacterianas.

 

Estrutura dos ribossomos

 

Forma: subunidades maiores e menor

Ribossomos procarióticos e eucarióticos são muito similares na forma. As subunidades menores dos ribossomos procarióticos e eucarióticos têm uma cabeça e uma base com uma plataforma com uma protuberância que se estende para um lado como visto na figura abaixo à esquerda; entretanto, características adicionais da subunidade menor dos ribossomos eucarióticos incluem uma ponta que se estende da cabeça da subunidade menor no lado oposto da fenda e um conjunto de lobos no final da subunidade oposta à cabeça (na figura acima, à direita); acredita-se que os lobos contêm seqüências adicionais que fazem rRNA 18s maior que o 16s bacteriano.

 

A subunidade maior tem uma protuberância central proeminente,stalk, e uma crista que se estende para um lado como visto à direita na figura acima. A subunidade maior tem uma abertura de aproximadamente 10nm de comprimento e 2.5 nm de diâmetro; a abertura se estende da região que contém os sítios A (aminoacil) e P (peptidil) até a parte da subunidade maior da qual a associação da cadeia polipeptídica nascente sai do ribossomo. Pensa-se que esta abertura é um canal no qual a cadeia polipeptídica nascente atravessa no caminho de saída do ribossomo.

Componentes

 

Ribossomos são estruturas pequenas, mas complexas, com cerca de 20 a 30 nm de diâmetro, consistindo de duas subunidades de tamanhos desiguais, referentes a subunidades maiores e menor as quais estão adaptadas intimamente como visto na figura acima. Uma subunidade é composta por um complexo formado por moléculas de RNA e proteínas; cada molécula contém pelo menos uma subunidade de RNA ribossômico (rRNA) e uma grande quantidade de proteínas ribossomais. As subunidades juntas contém mais de 82 proteínas específicas reunidas em uma seqüência precisa.

 

 

 

O ribossomo procariótico em E. coli tem um tamanho de 70s. As duas subunidades têm formas 3-D distintas e reconhecíveis. Aproximadamente 2/3 dos ribossomos E. coli consistem de rRNA e o restante consistindo de proteínas ribossômicas. Assim, as subunidades 50s e 30s combinadas são 70s devido à forma 3-D dos ribossomos.

 

 

Componentes dos ribossomos procarióticos

Tipo de rRNA

Número aproximado de nucleotídeos

Localização da subunidade

16s

1542

30s

5s

120

50s

23s

2904

50s

 

Em geral, ribossomos eucarióticos são maiores e mais complexos que os ribossomos procarióticos. O tamanho dos ribossomos e o peso das moléculas de rRNA diferem de organismo para organismo. Eucarióticos simples tem ribossomos menores, embora eles sejam maiores que os ribossomos de E. coli, enquanto mamíferos tem os maiores ribossomos. Todos os ribossomos eucarióticos têm em comum muitas características estruturais e químicas. Por exemplo, os ribossomos de mamíferos têm um tamanho de 80s consistindo de uma subunidade maior de 60s e uma menor de 40s. O ribossomo 80s de mamífero consiste de aproximadamente pesos iguais de rRNA e proteínas ribossômicas.

 

Componentes dos ribossomos eucarióticos

Tipo de rRNA

Número aproximado de nucleotídeos

Localização da subunidade

18s

1900

40s

5s

120

60s

5,8s

156

60s

28s

4700

60s

 

 

 

Síntese de proteínas

Referente a: Stryer Capítulo 34

Fonte: Alunos da Universidade Federal de Minas Gerais


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos
 
Hacked by
#TeaMGh0sT

~ DB GOT DROPPED ~