Antienvelhecimento/Longevidade - Médicos relacionam longevidade com maior inteligência
Esta página já teve 113.943.642 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.866 acessos diários
home | entre em contato
 

Antienvelhecimento/Longevidade

Médicos relacionam longevidade com maior inteligência

10/11/2003
Pesquisa mostra que pessoas com QI mais elevado têm maiores chances de viverem mais

Alguns fatores sociais, como situação financeira e acesso à educação, estão claramente relacionados com a possibilidade de se viver por mais tempo.

Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Edinburgo (Escócia) associa desta vez a longevidade também a aspectos intelectuais. Eles acompanharam os dados de mais de 2.200 adultos que em 1932, quando todos tinham 11 anos, haviam realizado testes de QI (coeficiente intelectual) e notaram que quanto maior o resultado, maiores as chances de viverem mais do que 76 anos.

Eles citam como exemplo que uma mulher com QI 115 teve o dobro de probabilidade de estar viva no momento do estudo do que a que conseguiu 85 em seu teste.

Entre homens com dados semelhantes, a probabilidade era 32% superior.

Não se sabe ao certo quais as razões desse vínculo. Os pesquisadores acreditam que o teste de QI realizado aos 11 anos pode refletir cuidados na criança desde o pré-natal, o que também determinaria uma melhor estruturação do organismo, habilitando-o a viver por mais tempo.

Eles também acreditam que quanto mais inteligente, a pessoa entende mais facilmente a importância de manter hábitos saudáveis, como parar de fumar ou de consumir bebidas alcoólicas.

saudeprev


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos